Semanalmente os  melhores métodos, ferramentas e técnicas
para conseguir alcançar TODO SEU POTENCIAL.
Acompanhe AQUI nossos artigos!

 

Receba em
PRIMEIRA MÃO
nossos artigos e
muitas novidades.
CADASTRE-SE!

Respeitamos sua privacidade, NUNCA enviamos spam!

Você já ouviu falar sobre a Comunicação Não Violenta (CNV)?

25/02/2019

É provável que não ou talvez até tenha lido em algum lugar, mas não se lembra ao certo do que se trata, certo? Acontece que a CNV, embora esteja mudando a vida de muitas pessoas, ainda não tem muito repercussão Brasil. Este cenário está prestes a mudar, porque essa ferramenta vem ganhando cada vez mais espaço no mundo — mais de 65 países já sediaram palestras de seu criador — e proporcionando relacionamentos interpessoais mais pacíficos para seus praticantes.

E você, quer conhecer mais sobre a Comunicação Não Violenta? Basta continuar a leitura deste artigo, pois vamos explicar tudo para você. Confira!

O que é Comunicação Não Violenta

Marshall Rosenberg ainda era uma criança de apenas nove anos quando ficou trancado durante três dias com sua família em um porão na cidade de Detroit, no Estados Unidos. O motivo do confinamento foi um conflito racial que surgiu próximo a casa dele. Esse acontecimento o levou, anos depois, quando já era um psicólogo formado, a pesquisar sobre a compaixão entre as pessoas e logo descobriu que a comunicação é o elo essencial para criar empatia entre seres humanos, mesmo em situações nas quais o ódio impere. Foi por esse caminho que Rosenberg criou a Comunicação Não Violenta, a qual definiu da seguinte forma:

é baseada nos princípios da não violência — o estado natural de compaixão quando a não violência está presente no coração. CNV começa por assumir que somos todos compassivos por natureza e que estratégias violentas — verbais ou físicas — são aprendidas, ensinadas e apoiadas pela cultura dominante. CNV também assume que todos compartilham necessidades humanas básicas, e que cada uma de nossas ações é uma estratégia para atender a uma ou mais dessas necessidades“.

Pelo parágrafo dá para notar que o conceito não diz respeito a nenhuma técnica de linguagem específica ou normas para exercê-lo. A proposta está mais relacionada a um modo de vida baseado na compaixão que, exercida por meio da comunicação, cria relações harmoniosas e, sobretudo, pacíficas entre as pessoas.

Fazer com que as pessoas se comuniquem de forma harmoniosa e empática e, a partir disso, construam relacionamentos significativos é um dos princípios da CNV – Comunicação Não Violenta.

No ambiente corporativo estas atitudes são comuns e podem deteriorar a relação entre colegas ou entre um líder e a sua equipe, tornando custosas as tarefas mediadas pela comunicação. No âmbito pessoal, as mesmas atitudes podem ser prejudiciais nas relações familiares e de amizade.

E queremos justamente trabalhar esse aspecto. Com o curso, você terá a oportunidade de conhecer os princípios que permeiam a Comunicação Não Violenta, compreendendo a CNV como um meio de facilitar o entendimento entre pessoas.  Você irá experimentar estes conceitos de forma prática, por meio de dinâmicas e experiências comunicativas.


LINEO-insight-desenvolvimento-humano

LINEO CARVALHO

Empreendedor, sócio fundador da Insight Desenvolvimento Humano, empresa que acredita na transformação de vidas...

Continue lendo »

andrea-insight-desenvolvimento-humano-150x150-square

ANDRÉA CARVALHO

Empresária e mãe, sócia da Insight Desenvolvimento Humano, com Formações Internacionais em Coaching Integrativo Sistêmico e Coaching Quântico...

Continue lendo »

Buscar no Blog

Receba em
PRIMEIRA MÃO
nossos artigos e
muitas novidades.
CADASTRE-SE!

Respeitamos sua privacidade, NUNCA enviamos spam!

logo-insight-desenvolvimento-humano-site001

:: Copyright © 2018 Insight Desenvolvimento Humano :: Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por:  WT Agile Marketing